Osteopatia

Uma técnica manual que te ajuda a recuperar a mobilidade e viver sem dor

A Osteopatia é uma ciência que busca compreender e normalizar o movimento do seu corpo através de técnicas de terapia manual, ou seja, não invasiva.

Com uma filosofia própria, a Osteopatia busca entender a causa da doença em cada indivíduo, através de um diagnóstico diferencial, sem se importar somente com seus sintomas.

Osteopatia enfatiza a sua ação centrada no paciente.Por isso, as técnicas são executadas com naturalidade e suavidade, gerando o mínimo de estresse ao paciente e de esforço ao terapeuta.

Para que serve a osteopatia?

A Osteopatia age na falta de mobilidade de algum tecido. Tal diminuição de mobilidade coloca o organismo em desequilíbrio, levando à doenças e consequentemente à dor.  

Segue abaixo uma lista de indicações onde a Osteopatia atua trazendo resultados mais rápidos e eficazes para o paciente:

  • Dor nas costas (lombalgia);
  • Dor no pescoço (cervicalgia);
  • Hérnia discal e/ou dor ciática;
  • Dor de cabeça (cefaléias);
  • Torcicolo;
  • Tendinite;
  • Síndrome do túnel do carpo;
  • Epicondilites;
  • Fascite plantar (dores nos pés);
  • Dores no cóccix;
  • Dores nos ombros;
  • Dores nos tornozelos (histórico de entorses frequentes);
  • Escolioses.

Alívio imediato dos sintomas já na primeira sessão

Por que é importante a osteopatia?

É importante porque ela age na causa do problema/dor e não apenas no sintoma, como acontece na maioria dos tratamentos convencionais. 

Além disso, ela também pode ser utilizada como forma de prevenção à problemas futuros, já que identificamos as alterações antes de que a dor apareça.

Como funciona o tratamento com osteopatia?

Através de manobras manuais específicas, devolvemos a mobilidade à estas áreas e o corpo entra novamente em equilíbrio, reduzindo e até mesmo cessando processos agudos ou crônicos de dor.

O tratamento é feito de forma individualizada e cada paciente será atendido conforme sua necessidade. É realizada uma avaliação minuciosa através de entrevista, exame físico e testes osteopáticos para detectar a causa mecânica da dor.

duração de cada sessão dura em torno de 60 minutos, e a frequência depende da necessidade de cada paciente. Normalmente inicia-se com sessões semanais, e havendo um resultado positivo, as sessões são realizadas em intervalos de duas ou três semanas.

quantidade de sessões necessárias também pode ser diferente em cada caso, e dependem da resposta de cada paciente ao tratamento. O tratamento completo costuma durar cerca de 5 sessões, distribuídas num período de 2 ou 3 meses.

Quem pode fazer o tratamento com osteopatia?

A Osteopatia ajuda pessoas de todas as idades, desde crianças até idosos.

Como se trata de técnicas manuais suaves, não há muitas contra-indicações. No geral, evita-se apenas em situações que exigem grande gasto energético do organismo do paciente ou em casos de alto risco, podendo não ser interessante expô-lo a mais estímulos. Essas situações envolvem:

  • Câncer e tumores;
  • Fraturas (recentes);
  • Importantes alterações vasculares (como aneurismas, calcificações arteriais);
  • Pós operatório (recentes);
  • Outras condições adversas, ou agudas, podem ser contra-indicações relativas, que serão avaliadas a cada caso.

O Tratamento com Osteopatia resolve a dor?

Sim. A maioria dos pacientes referem alívio imediato dos sintomas já na primeira sessão. Porém, recomenda-se fazer de 3 à 5 sessões para equilibrar novamente o corpo e sanar totalmente o problema.

Quanto custa o tratamento com osteopatia na Zona Sul de São Paulo?

O valor de uma sessão de Osteopatia na Zona Sul de São Paulo varia bastante de profissional para profissional.

Quer viver sem dor?

Agende agora uma consulta com a Dra. Dayana Coelho

Osteopata SP Zona Sul